Após ter o troféu de campeão do mundo penhorado por causa de dívida presidente do clube ainda fez graça
A Taça do Corinthians não pode ser motivo de piada

Andrés Sanchez errou. A situação é no mínimo constrangedora para o clube e sua gigantesca torcida. O Corinthians já deveria ter acertado o problema da dívida há 8 anos, mas por questões internas não pagou o que devia. Esse tipo de dor de cabeça é muito mais frequente no futebol brasileiro do que o torcedor possa imaginar. Infelizmente, constantemente a justiça penhora bens dos clubes. Mas nenhum presidente tem o direito de brincar com uma humilhação dessas.

O Timão é cobrado por causa de uma situação que aconteceu em 2008. A faculdade UniSant’Anna alega que o clube rompeu de forma unilateral um contrato que envolvia as duas partes e entrou na justiça. Dois anos depois a instituição de ensino obteve uma sentença favorável com indenização e, de lá para cá, a UniSant’Anna tenta receber dois milhões e quatrocentos mil reais.

Para fazer justiça com o atual presidente corintiano, essa confusão aconteceu no mandato de Alberto Dualib, o que também não tira do atual gestor a obrigação de pagar o que o clube deve.

Ao decretar a penhora da Taça do Mundial de Clubes de 2012, o juiz Luis Fernando Nardelli, da 3ª Vara Cível de São Paulo, apenas está garantido a universidade o direito de receber o que o clube deve. O troféu agora vai passar por uma avaliação de um perito e continuará na galeria do Parque São Jorge, mas se torna uma garantia de pagamento. Só se o devedor não quitar o que deve, perde o bem penhorado.

A situação embaraçosa deixou Sanchez irritado, provavelmente diante de tantos outros problemas que tem vivido. Irritado e debochado na entrevista em que precisou encarar a imprensa. "Pelo menos o Corinthians tem taça de Mundial, duas, para penhorar, né? Temos terrenos, ônibus, carros, patromônios, mas quiseram a taça do Mundial", ironizou o presidente que continuou com tom de sarcasmo: "É uma ação midiática, os advogados devem torcer para outro time e fizeram isso".

 

A Taça do Corinthians não pode ser motivo de piada Andrés Sanchez na coletiva para explicar a penhora

 

Na mesma linha de tentar transformar a situação patética de perder a taça por causa do calote de uma dívida, o diretor de marketing Paulo Rosemberg prosseguiu com zombarias e provocações a rivais. “Infelizmente, tenho de dizer aos clubes que não tem mundial que não vão mais poder fazer lances na nossa taça”.

 

As outras tentativas de receber a dívida

 

O que os executivos do Clube não falaram é que o recurso de penhora da taça só aconteceu depois de outras tentativas da Universidade em receber esse ano o que tem direito. Em agosto a UniSant’Anna tentou bloquear uma parte do dinheiro que o Corinthians receberia pela venda de Rodriguinho ao Pyramids FC, do Egito. Não teve êxito. Em outubro o juiz Luis Fernando Nardelli determinou o bloqueio de parte da premiação a que o clube teria direito por ter sido vice campeão da Copa do Brasil. O Corinthians alegou que "o valor ainda se encontra em discussão judicial", que já havia recebido o dinheiro da CBF antes da decisão juducial e não pagou.

Portanto, não se trata de uma decisão isolada do judiciário paulista. E, é claro, o Timão não vai ficar sem seu grande símbolo de uma das maiores conquistas da história do clube. Mas passar pelo constrangimento perante a opinião pública ao ter o troféu penhorado foi a maior derrota que o Corinthians poderia sofrer fora das quatro linhas. E isso não é piada.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para A Taça do Corinthians não pode ser motivo de piada

Já temos 2 comentário(s). DEIXE O SEU :)
Marcia Mendes

Marcia Mendes

Uma infelicidade esta entrevista
★★★★★DIA 09.11.18 20h03RESPONDER
Guilherme Mendes
Enviando Comentário Fechar :/
Guilherme Mendes

Guilherme Mendes

O humor é sempre um perigo. Ao tentar esvaziar a relevância do fato, o presidente recorreu a uma infeliz brincadeira. Obrigado pela visita ao blog. Venha sempre.

★★★★★DIA 10.11.18 10h27RESPONDER
Marcia Mendes
Enviando Comentário Fechar :/
Enviando Comentário Fechar :/