O caso envolve a rede Burger King. Um cidadão americano passou mal bocados durante uma hora trancafiado no banheiro de uma lanchonete e agora exige o que foi prometido pelo gerente da loja
Homem preso no banheiro quer comer hambúrguer de graça a vida inteira

Para entender essa história bizarra é preciso ir até o estado do Oregon, nos Estados Unidos. O fato ocorreu no dia 15 de dezembro, em uma das unidades do Burger King, na cidade de Wood Village. Um cliente pediu para usar o banheiro. Na hora de sair a porta travou e foi preciso chamar um chaveiro para liberar a fechadura. Enquanto isso, Curtis Brooner alega que passou constrangimento pelo odor do local e pelas "gracinhas" que foi obrigado ouvir. Para acalmar o cliente, o gerente da loja prometeu ao comilão que ele poderia fazer refeições de graça na lanchonete todos os dias. O trato seria pelo resto da vida. Só que deu o maior chabu essa zoeira.

Era para ter sido uma parada rápida. Curtis Brooner disse que entrou no banheiro para lavar as mãos. Quando quis sair a porta não abriu, nem com a ajuda das pessoas que estavam do lado de fora.

A providência tomada foi chamar um chaveiro. Mas demorou cerca de uma hora para que finalmente a porta fosse liberada. O odor ficou insuportável nesse período.

"É o típico lugar no qual você tem que prender a respiração: entra e sai tão rápido quanto se pode. Mas essa é uma opção que eu não tive", explicou Curtis ao jornal local "The Oregonian".

O freguês do Burger King alega ainda que quando conseguiu sair do banheiro, todo o corpo dele "cheirava a ferrugem".

E não foi só esse constrangimento. Brooner relata ainda que foi obrigado a ouvir várias piadinhas dos funcionários da lanchonete enquanto estava preso no "cativeiro".

Ao finalmente se ver livre daquele inferno, Curtis foi agraciado com uma recompensa vitalícia oferecida pelo gerente. O combinado era que o frequentador da loja poderia comer de graça no estabelecimento até o último dia de vida. O glutão vinha aproveitando o acordo sem nenhuma modéstia. Alguns dias ele chegou a fazer duas refeições.

Mas o trato durou menos de duas semanas.

No décimo terceiro dia Brooner foi avisado que não poderia mais continuar matando o apetite com os hambúrgueres. As refeições não estavam mais autorizadas por decisão de um chefe de distrito do Burger King.

Inconformado com a falta de palavra da rede de sandubas, o prejudicado consumidor procurou um advogado. O caso foi parar na corte civil do condado de Multnomah.

O advogado Michael Fuller admite que o processo possa parecer meio estapafúrdio, mas que faz todo sentido.

"A princípio, o júri vai gostar disso. Há elementos engraçados do caso, mas não há nada de engraçado em ficar trancado em um banheiro úmido por uma hora", disse Fuller.

O advogado alega que a rede de fast-food rompeu unilateralmente o acordo, sem cumprir a palavra com o seu cliente. A reivindicação deles é uma só, que se mantenha como compensação "comida de graça por toda vida".

Nos argumentos da defesa, Fuller diz que foi uma "experiência traumática" e propõe um acordo: a rede americana deveria pagar pelo menos uma refeição semanal para Curtis por mais 22 anos.

O cálculo foi feito da seguinte forma. O constrangido Brooner têm 50 anos. Segundo o advogado, ele deve viver pelo menos até completar 72 anos, já que a expectativa de vida nos Estados Unidos hoje é de 75 anos.

Ainda pela matemática da defesa, cada hambúrguer com queijo custa US$ 7,89. Multiplicando esse valor pelo tanto de semanas que o faminto Curtis esperava viver daria cerca de US$ 9.026,16.

"Acho que vamos chegar a um acordo justo. Meu cliente recebeu uma oferta, ele aceitou e um acordo foi um acordo", disse Fuller.

O caso ainda vai ser analisado pela corte.

Eita! Fechadura cara, essa aí.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Homem preso no banheiro quer comer hambúrguer de graça a vida inteira

Já temos 2 comentário(s). DEIXE O SEU :)
pedro jose

pedro jose

Não vai viver tanto assim comendo hamburguer todo dia
★★★★★DIA 05.01.19 13h51RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Guilherme Mendes

Guilherme Mendes

Boa, Pedro! E tinha dia que o nosso amigo comia duas vezes. Bom final de semana para você. 

★★★★★DIA 05.01.19 14h05RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Enviando Comentário Fechar :/