A morte do eterno ídolo do Los Angeles Lakers deixará um vazio difícil de medir na alma dos amantes do esporte
Kobe Bryant era o Ayrton Senna do basquete

Os números da carreira de Kobe resumem bem o que foi essa lenda do basquete. Pelo Lakers, Bryant anotou 33 643 pontos em 1346 jogos. A média chegou a quase 25 pontos por partida. Pela seleção americana foram mais 514 pontos em 37 apresentações. Ganhou duas medalhas de ouro com o Dream Team nas Olimpíadas de 2008, em Pequim, e em 2012, em Londres. Conquistou ainda 5 vezes a NBA, a famosa Liga americana de basquete.

O genial jogador faturou também dois prêmios de MVP das finais e MVP da temporada de 2008.

Em 2016, depois de 20 anos defendendo sempre o Lakers, Bryan se retirou das quadras. Meses antes, quando anunciou que iria se aposentar, Kobe recebeu uma carta de um torcedor do Celtics que mostra bem a admiração que os esportistas têm por ele.

Assim como Ayrton Senna, que era admirado por fãs do automobilismo do mundo todo, independente da bandeira que defendia, Bryant merece todas as homenagens que o esporte pode prestar a esse mito.

"Querido Kobe Bryant

Eu te odeio.

Você pode me culpar? Sou um torcedor do Celtics, e há duas décadas torço contra você. Eu me alegrei com a sua agonia quando meu Celtics te derrotou nas finais de 2008. O Paul Pierce merecia muito mais do que você. Você já tinha três anéis naquela época.

Mas três não eram suficientes para você. Você teve a sua vingança e seu quinto título em 2010 enquanto cortava meu coração no processo. Espero que você ainda saiba como foi sortudo por Kendrick Perkins estar fora do jogo 7.

Eu li a sua carta de despedida no "The Players Tribune" hoje e fiquei chocado. pelo anúncio de sua aposentadoria - todos nós já sabíamos disso. Eu fiquei chocado pela forma como a sua carta me fez sentir.

Na minha cabeça, sempre coloquei você e o Derek Jeter (ex-jogador do New York Yankees) juntos. Vocês são os jogadores que nós torcedores de Boston amargamente odiamos, mas inevitavelmente respeitamos. Vocês jogaram do jeito certo - com paixão, orgulho e profissionalismo.

Vocês eram verdadeiros estudantes do jogo e perseguiram a grandeza, trabalhando mais duro do que todos. Vocês viraram ícones de gerações em seus respectivos esportes. Vocês abraçaram todos os desafios. Vocês deram tudo. Vocês levaram seus corpos ao limite. Vocês sabiam como vencer. Vocês respeitavam seu esporte, seu ofício, e sua rivalidade com Boston.

O dia 30 de dezembro marca a última vez em que voce jogará em Boston. É também a última chance de nós, torcedores do Celtics, apoiarmos o nosso time a ganhar do, indiscutivelmente, jogador mais dominante na história da rivalidade entre Celtics e Lakers.

Quando você partir, também se vai tudo o que restou da rivalidade que um dia dominou a NBA. Talvez um dia essa rivalidade reacenda com novas caras. Talvez não.

Então quando você vier para o Garden esse mês, eu espero que a torcida faça você se sentir no inferno. Espero que a gente consiga te vaiar mais enfaticamente do que das disputas de título. Espero que você erre todos os seus lances-livres. E que você nunca esqueça o que é estar cercado de 17 mil torcedores que sangram verde e que dariam tudo para ver você falhar uma última vez.

Eu espero que a gente derrote LA mais uma vez. E quando você for substituído no meio do último quarto, porque meus Celtics estão vencendo por 20 pontos, acredito que algo maravilhoso vai acontecer.

Cada pessoa no Garden vai parar de te vaiar. Nós vamos ficar de pé e mostrar respeito sob a forma da ovação mais alta, mais apaixonada que você já testemunhou. Nós vamos gritar o seu nome. Vamos enxugar nossos olhos. Vamos dar nosso adeus doce e amargo.

Dizem que você não sabe o que você realmente tem até perder. Então antes de você partir, eu gostaria de te agradecer por ser bem mais do que apenas um grande jogador de basquete. Para uma geração inteira de fãs da NBA, você é o basquete.

Eu não acredito que estou dizendo isso... mas eu realmente vou sentir a sua falta.

Te amo (e odeio) para sempre,

De um torcedor do Celtics, que nunca te apreciou o suficiente"

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Kobe Bryant era o Ayrton Senna do basquete

Enviando Comentário Fechar :/