Se meter em encrenca é com ele mesmo. O craque já tinha assumido a paternidade de oito filhos com a ex-esposa e algumas amantes
Maradona descobre que tem 3 filhos em Cuba e filha debocha: "só faltam mais 3 para você ter um time completo"

A notícia que os argentinos esperavam era pelo nascimento do terceiro neto de Armando Maradona nesse final de semana. Mas antes de o rebento chegar ao mundo, o advogado do craque estragou tudo ao anunciar que Dieguito está prestes a viajar até a ilha caribenha para fazer o reconhecimento de três filhos. Os novos integrantes da família Maradona seriam frutos do relacionamento com duas mulheres. Um deles já tem 18 anos. A divulgação azedou ainda mais a relação do ex-jogador com Claudia Villafañe, a primeira esposa do craque.

A surpresa foi grande entre os fãs de Maradona. Na sexta-feira (08/03), o advogado dele concedeu uma entrevista e contou a novidade. Matías Morla cuida de vários assuntos envolvendo o cliente famoso. E tem sempre uma bronca quando o assunto é Maradona.

Coube a Matías fazer a revelação. Em um programa de TV o advogado explicou que Diego está programando uma viagem a Cuba para fazer os exames de DNA. "Há uma medida [judicial] e quando [Maradona] chegar [a Cuba] tem que se apresentar a tribunais", disse Morla.

O representante do maior ídolo argentino explicou ainda que ele mantem diálogo com os filhos cubanos de Armando, mas os nomes não foram divulgados. A única pista é a de que um deles seria um homem de 18 anos que mora em Varadero.

Para deixar a história ainda mais sensacionalista, o advogado jogou no ar que Maradona teve mais de uma namorada por lá. "Eles são de mulheres diferentes e Diego os reconhecerá quando voltar a Cuba", confirmou Morla.

O advogado disse ainda que as reivindicações de paternidade estão na Justiça cubana e que o astro portenho pretende dar aos filhos o seu sobrenome no futuro.

No ano passado, Matías já tinha dito que a passagem de Armando pela ilha estava cheirando mal. Segundo a imprensa da Argentina, ao ser perguntado se Maradona poderia ter mais filhos do que os conhecidos até o momento, Morla teria dito: "Tenho medo em relação a Cuba. Ele esteve lá por muito tempo, estava solteiro e se comportou mal", afirmou o advogado.

 

A vida de Maradona em Cuba

 

A peregrinação de Maradona a Cuba começou em 2000, depois que ele passou mal em Punta del Este, no Uruguai, por causa de uma overdose de cocaína. Para se tratar da dependência química o argentino se internou em uma clínica de reabilitação. Na época, Diego estava obeso, ainda casado e "à beira da morte", segundo pessoas próximas.

Entre idas e vindas, Armado esteve na ilha de Fidel até 2005.

Em Cuba, Diego morava, inicialmente, sozinho. Durante o tratamento ele rompeu com as pessoas mais influentes da vida dele. Em 2003, Armando se separou de Claudia Villafañe e cortou o vínculo com o seu braço direito, Guillermo Cóppola.

No ano seguinte, Maradona protagonizou um caso de grande repercussão. Diego teria engravidado uma mulher chamada Adonay Fruto Cánovas, de apenas 19 anos. A jovem estaria esperando gêmeos. Os dois se conheceram em uma festa em Havana em 2001.

A "loira de belos traços", morava no modesto bairro de San Agustín, e teria ido residir com a estrela no complexo de Las Praderas.

Em setembro do mesmo ano, a agência de notícias EFE noticiou que Adonay teria perdido a gravidez "depois de cair de escadas ao fugir de um jornalista argentino que queria entrevistá-la". A história chegou ao conhecimento de Claudia Villafañe, ainda esposa de Maradona. Segundo a imprensa argentina, Claudia ameaçou a namoradinha do marido e ainda pediu que ela "não destruísse a vida de suas filhas".

Mas a relação do novo casal prosseguiu. Em novembro de 2004, a cubana deu uma entrevista e confirmou o romance com o ídolo. "Espero que haja um belo futuro para nós, não pensei em casamento, embora meu coração gostasse", disse a jovem.

Adonay afirmou ainda que jamais esperou um filho do companheiro famoso. "Houve uma conversa sobre uma gravidez minha que é mentira. Sinto que eles estão se intrometendo em minha vida particular sem minha aprovação. Eu tenho o direito de amar quem eu quiser, independentemente da fama ou do nome deles", completou.

No final, perguntada se gostaria de ter um filho com Maradona, ela respondeu: "Sim, é claro, eu o chamaria de Diego Adonis".

Verdade ou não, em 2007 o médico Alfredo Cahe revelou à imprensa argentina que o motivo do ex-jogador ter começado a beber demais foi o fim da relação com a ex-mulher Claudia Villafañe.

Segundo Cahe, Maradona não aceitou a decisão de Claudia em não ter mais nenhum vínculo afetivo com ele, mesmo os dois já estando separados.

 

Os cinco filhos de Diego

 

Se o mais renomado camisa dez do futebol argentino teve filhos ou não em Cuba, em breve o mundo vai saber oficialmente. O que ele não esconde de ninguém é a paternidade de outros cinco herdeiros comprovadas legalmente.

Do casamento com Claudia Villafañe nasceram Dalma e Giannina. O peralta ainda é pai de Diego Armando Maradona Junior, filho da italiana Cristina Sinagra, de Diego Fernando Maradona, que nasceu em 2013, fruto da relação do argentino com Verônica Ojeda, e de Jana Maradona, filha com Valeria Sabalain.

Mas nem sempre Armando admitiu rapidamente a paternidade fora do casamento. Diego Junior, o filho italiano dos tempos de Napoli, só foi reconhecido pelo pai na justiça quando já tinha 29 anos.

A notícia de que os cinco filhos de Maradona estão prestes a ganhar mais três irmãos dividiu os herdeiros. "Eu não sabia nada sobre isso ... mas eu sempre mantenho o que eu disse, se eles são meus irmãos não tenho problema em conhecê-los e ter um relacionamento com eles", afirmou Diego Jr.

Gianina usou as redes sociais para ironizar o pai: "Só faltam mais três para você ter um time completo. Você consegue".

A segunda filha do "Dez" vive as turras com o pai. Diego move um processo contra ela alegando que Gianina, ex-mulher do jogador Sérgio Aguero, deu um desfalque nas contas bancárias dele.

Irritada com o assédio da imprensa, Claudia Villafañe desabafou: "Não é problema meu. A verdade é que não há problema, são outras crianças e é ótimo que, se forem realmente filhos dele, ele os reconhecerá. O estranho na história de Matías é que durante anos ele está pagando manutenção para crianças que não sabem se são filhos [de Maradona] porque não há DNA envolvido".

 

Enquanto isso no México...

 

Maradona prossegue em Culiacán, capital do estado de Sinaloa, comandando o Dorados. Com 58 anos, ele foi contratado em setembro do ano passado como treinador da equipe da segunda divisão do futebol asteca.

O campeão mundial da Copa do México em 86 garante que atualmente está solteiro. Verônica Ojeda, mãe de Diego Fernando, chegou a passar algumas semanas em Culiacán com Armando. Mas a relação deles de novo não foi adiante.

Nesse final de semana, Armando vai ser avô pela terceira vez. O nascimento da filha de Dalma Maradona é aguardado para qualquer momento. Os dois primeiros netos do craque são Diego Matías (filho de Diego Jr.) e Benjamín (filho de Gianinna).

Logo terminar o campeonato de acesso no México, oficialmente a família vai crescer mais ainda quando Armando realizar os exames de DNA em Cuba.

Só para você não perder a conta. Maradona passará a ter um filho italiano, três cubanos e quatro argentinos.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Maradona descobre que tem 3 filhos em Cuba e filha debocha: "só faltam mais 3 para você ter um time completo"

Enviando Comentário Fechar :/