A história demorou a vir à público, mas agora que viralizou na internet, o oficial está recebendo dezenas de elogios nos Estados Unidos
Policial é chamado para prender família que roubava em supermercado e decide pagar a conta

O fato aconteceu no dia 30 de novembro. Mesmo presenciado por várias pessoas que estavam em um Wal-Mart na cidade de Fort Smith, no estado do Arkansas, só no início do ano o episódio se esparramou pelas redes sociais.

Segundo postagens no Facebook, o policial Kenneth Martin estava comprando brinquedos para serem distribuídos em comunidades carentes quando recebeu a chamada de furto em um supermercado. Ao chegar no local, ele se deparou com uma cena inesperada.

O furto tinha sido praticado por um casal que carregava filhos pequenos no colo. A reação do oficial foi a mais surpreendente. Ao invés de prender os pais imediatamente, Kenneth foi até o caixa e pagou pelas mercadorias.

As câmeras de segurança do supermercado gravaram o ato do policial. As imagens mostram primeiro Martin diante das vendedoras da loja falando que vai pagar a conta. "Ligue tudo de novo para que eu possa pagar. Eles estão roubando comida e têm filhos", avisou às mulheres que estavam no balcão.

Na sequência, o policial explicou porque decidiu fazer aquele gesto caridoso sem deixar de prender o homem. "Eu tenho que levá-lo para a cadeia, mas eu não tenho que fazer as crianças pensarem que eu sou um idiota".

Depois Kenneth brinca com as funcionárias do Wal-Mart. "Não deixe as pessoas saberem que eu sou um cara legal", falou bem humorado.

 

Policial é chamado para prender família que roubava em supermercado e decide pagar a conta

 

Por último, Martin foi em direção ao casal e seus filhos, perto da entrada da loja, e colocou a sacola em um carrinho de compras. Antes de sair de cena ele disse para os pais: "Eu cuidei disso para vocês, ok? Entendo que vocês precisam de comida e coisas, mas peçam ajuda. Não façam isso com esses bebês".

O agente permite que a mãe saia, e deseja boas festas a ela e aos filhos, antes de deter o pai em um escritório próximo.

 

Homenagem ao policial

 

A generosidade de Martin acabou rendendo ao oficial um prêmio de Empregado do Mês do departamento de polícia da cidade de Fort Smith.

O diretor Neal Martin elogiou o agente no Facebook. Ele contou que a indicação de Kenneth para o prêmio veio de um colega policial que testemunhou o que aconteceu no Wal-Mart.

"Eu estava de folga e entrando no Wal-Mart na rua 2425 Zero. Ao entrar no prédio, notei que a prevenção de perdas havia acabado de impedir dois adultos, que também tinham dois filhos pequenos", escreveu o policial.

"O ato de bondade de Martin é um verdadeiro exemplo do que é a humanidade. Ele fez isso por compaixão pelas crianças, sem intenção de ser reconhecido por suas ações", escreveu o companheiro de farda.

"Por isso, tenho a honra de nomear Martin para Funcionário do mês. Suas ações foram uma representação do que todos devemos lutar", continuou o diretor Neal.

Em outra postagem, mais policiais pediram que internautas também reconhecessem a positiva atitude do parceiro. "Feliz Ano Novo! Por favor, ajude-nos a parabenizar nosso funcionário do mês de janeiro, FTO Kenneth Martin!", escreveram.

A reação dos seguidores das páginas no Facebook veio com muitos elogios a Kenneth. "Essa é realmente uma história maravilhosa que poucas pessoas teriam feito, especialmente no mundo de hoje. Mostra o tipo de coração e consciência que ele tem", comentou um homem.

"Isso tocou meu coração porque eu estive lá", relatou uma mulher, "este maravilhoso ser humano pagar por suas compras … Deus abençoe. Ele é um exemplo maravilhoso de amor ao próximo!", completou.

 

Quem é o policial

 

Martin iniciou sua carreira no Departamento de Polícia de Fort Smith em agosto de 2015. Depois trabalhou na Carolina do Sul e no Arizona, de acordo com seu boletim de premiação publicado online.

Atualmente, Kenneth é membro da Guarda da Unidade de Honra e designado para a Tropa 2 na Divisão de Patrulha.

No estado do Arkansas, os crimes de furto são "classificados com base no valor em dólares dos bens ou serviços tomados", de acordo com o site do Escritório de Advocacia de George B. Morton. A mãe e o pai, acusados ​​de tentar furtar os produtos do Wal-Mart, não tiveram os nomes revelados.

 

Policial é chamado para prender família que roubava em supermercado e decide pagar a conta

 

 

 

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Policial é chamado para prender família que roubava em supermercado e decide pagar a conta

Já temos 2 comentário(s). DEIXE O SEU :)
Luiz Bento PEREIRA

Luiz Bento PEREIRA

VEREADORES, Por exemplo, no meu tempo de criança, era um cargo honorário, ou seja, não havia remuneraçao, portanto quem se elegia, realmente ia lá pra defender interesses da populaçao.
★★★★★DIA 09.01.20 09h55RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Luiz Bento PEREIRA

Luiz Bento PEREIRA

aqui no Brasil, a gente tem prender esses funcionarios publicos do STF, Assembleia de deputados estaduais, federais, camaras de vereadores, altas patentes de militares, onde muitos deles ganham entre 30 a 100 mil mensais e geram essa pobreza toda. Em tempo... não sou petista, mas se fosse, claro, estaria dizendo a mesma coisa e com razao. NAO é necessario ser de esquerda pra ver que esse capitalismo aqui no Brasil é uma bosta, pior que nos tempos feudais, no medievo.
★★★★★DIA 09.01.20 09h53RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Enviando Comentário Fechar :/